Home / CULTURA POPULAR /  Biografia do Mestre “Zé de Cazuza”

 Biografia do Mestre “Zé de Cazuza”

José Nunes Filho , conhecido como Zé de Cazuza, é , sem contestação, a figura maior no universo do Repentismo, no Nordeste .
              Nasceu aos 13 dias do mês de dezembro do ano de 1929 , na Fazenda Boa-Vista , município de Monteiro ,no Estado da Paraíba . Estudou apenas um ano na ” ESCOLA RUDIMENTAR MISTA DE BOA VISTA ” . Assistiu , com seis anos de idade, pela primeira vez , a uma cantoria realizada por Severino Lourenço Pinto , seu conterrâneo de Monteiro , e Antônio Marinho do Nascimento ,natural de São José do Egito . Continua em suas atividades agropecuaristas, na Fazenda São Francisco , que herdou de seu pai , José Nunes de Souza – Cazuza Nunes – Fazendeiro e Poeta . De estatura mediana , cabeça meio achatada , testa larga , olhos castanhos , ombros um pouco derreados , braços longos , mãos delicadas e nervosas , fala e voz firmes e claras , sorriso simples e espontâneo , passos largos e seguros . Sua aparência física revela o tipo comum do nordestino , com um certo ar de humildade .
                 Mentalmente , é uma pessoa superdotada. Sua inteligência , sua vontade e sua sensibilidade estão acima da média. Tem plena consciência disto. É nobre e digno. Sabe , sem arrogância ,de seu valor e sua importância na cultura de seu povo e de sua região .
               Três Facetas , entre outras , se manifestam nesse homem impressionante : 
    – Memória  fenomenal; acurada capacidade crítica; sensibilidade poética .

     ZÉ DE CAZUZA prestou e ainda presta a cultuara do repentismo, um relevante serviço . Grava na memória privilegiada, faz mais de cinqüenta anos ,centenas senão milhares de poemas , estrofes , versos ,criados ao sabor do improviso nas cantorias e nas reuniões de glosas dos cantadores e poetas nordestinos, produção artística que se teria perdido definitivamente . Hoje , com a tecnologia , tudo se grava e retém. Nas décadas de 40,50,60 no Sertão não se conhecia outro modo de fixar para a posteridade a obra dos repentistas , a não ser a memória dos freqüentadores das festas de poesia . Havia , porém , um gravador perfeito : a cabeça do Poeta e Mestre das Artes Zé de Cazuza , autor do livro Poetas Encantadores . Ele é capaz de recitar sem interrupção , quatro , cinco horas, o que de melhor produziram os cantadores e improvisadores do Ceará , do Rio Grande do Norte , da Paraíba , de Pernambuco , de Alagoas , de Sergipe e da Bahia. Freqüentador de cantorias, ele mesmo,um excelente cantador, amealhou um verdadeiro tesouro de poesia popular que distribui, com generosidade e até com entusiasmo, por onde passa e onde vive. Sua memória é,realmente , um fenômeno .

Fonte: Diário de Zé de Cazuza: Biografia do Mestre “Zé de Cazuza”

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do blog

comments

Check Also

Tiririca dos Crioulos- um quilombo indígena 

  O quilombo da Tiririca dos Crioulos tem seu território situado ao “pé” da Serra ...